Família Jackson envia carta a HBO, e não tem sucesso

Em mais uma tentativa de barrar a exibição do polêmico documentário "Leaving Neverland", a família de Michael Jackson enviou uma carta de dez páginas ao CEO da HBO, Richard Plepler, afirmando que o filme produzido pela emissora é uma "atração sensacionalista" e "vergonhosa", publicou o site "Deadline". Os administradores do espólio do astro, que morreu em 2009, advertem que em nenhum momento foram contatados pelo diretor do filme, Dan Reed, "para fornecer as opiniões e as respostas às acusações absolutamente falsas que são objeto"


Segundo os Jacksons, a produção só ouviu um lado da história e "ninguém mais que possa oferecer evidências para contradizer a versão defendida, como o próprio Dan Reed admitiu". Em um comunicado enviado ao site Pitchfork, a HBO diz que, apesar das críticas recorrentes da família Jackson, os planos de exibir comercialmente o filme no mundo, a partir de março, não serão afetados pela carta. "Dan Reed é um cineasta premiado que vê de perto as contas desses sobreviventes. As pessoas devem reservar julgamento até verem o filme." A HBO norte-americana confirmou nesta sexta (8) que exibirá "Leaving Neverland" nos dias 3 e 4 de março.

Categoria:Notícias

Deixe seu Comentário